terça-feira, 27 de novembro de 2012

Limpeza do trilho da ponte e cascata de Pôrtavense

No passado dia 18 de Novembro, quatro elementos da associação Péd´Rios de Germil, munidos das ferramentas necessárias, efectuaram a limpeza do trilho, ponte e cascata de Pôrtavense. 

Cascata de Pôrtavense vista desde a ponte
A vermelho: Zona e extensão da acção limpeza  
A cascata de Pôrtavense , também conhecida pelos habitantes de Germil como "cascata das fechas", tem aproximadamente doze metros de queda. 

Equipa Limpeza:
Carlos Moreira, André Monteiro, Joel Pereira e João Pedro
Inicio dos trabalhos 

O Ribeiro de Chão da Ponte (ribeiro que banha a cascata de Pôrtavense) tem a sua nascente nos lameiros do alto da Carvalhinha a aproximadamente 1200 metros de altitude.   
O renascer do trilho da ponte de Pôrtavense 
Roçadoras no activo  
Limpeza do trilho 
Zona complicada 

O trilho até a ponte e cascata de Pôrtavense desde o entroncamento do Carvalhal, tem aproximadamente 300 metros de extensão, na qual 150 metros é constituído pelo caminho que da acesso a calçada do Quartel. Os restantes 150 metros é constituído por uma caminho de pé posto empedrado. 

Caminho de Pé Posto já acessível 
Limpeza da ponte de Pôrtavense 

Ponte de Pôrtavense já acessível ao visitante
Retirando troncos no escoamento da ponte
Limpeza do escoamento da ponte
Este trilho secular foi construído pelos habitantes de Germil para acesso e passagem do pastor e dos seus animais. Era usado principalmente no Inverno e funcionava como corta-mato ao trilho das poças da Relva.  

Conclusão limpeza da ponte e cascata de Pôrtavense 
Equipa Péd´Rios no final dos trabalhos 
Depois da nossa acção limpeza, os pastores de Germil foram informados da abertura do trilho com o objectivo de poderem reactivar esta passagem com as suas cabras e vacas pela ponte de Pôrtavense. Por casualidade hoje no momento em que escrevo estas palavras o pastor António leva as suas cabras pela ponte de Pôrtavense. 

A nossa associação elabora visitas guiadas ao local. 

Saudações montanheiras 
Carlos Moreira 
Texto: Carlos Moreira 
Fotos: Carlos e Elsa 







  








sexta-feira, 16 de novembro de 2012

Paisagens de Germil - Ribeiro da Broca

Na semana passada, depois das fortes chuvas que se fizeram sentir na serra Amarela -  Germil, todos os rios e ribeiros da serra ganharam vida, dando assim oportunidade ao visitante de apreciar as maravilhosas cascatas e cursos de água cristalina da nossa serra Amarela. 

Cascata e fragas do Cavalinho 
Cascata do Cavalinho 
Como já tinha planos de visitar o ribeiro da Broca e toda a informação dos habitantes de Germil sobre o local a explorar, aproveite a "enxurrada" para registar o momento e "escalei" ribeiro acima para reconhecimento da zona envolvente ao ribeiro da Broca. 


Fragas do Cavalinho 

O ribeiro da Broca nasce na Corga das Mestras a aproximadamente 700 metros de altitude. Tem uma extensão de aproximadamente 1800 metros e desagua pela vertente sul no rio Germil na mistura de águas de Chão de Arcas.    




O acesso a cascata do Cavalinho é complicado, tanto para quem sobe pela margem esquerda ou direita do ribeiro da Broca. O principal factor de dificuldade é a densa vegetação que encontrei e a inclinação do terreno acentuada pela via que escolhi para chegar a este recanto magico da serra Amarela. Existem outras alternativas para chegar ao local e esperamos em breve poder sinalizar o caminho através de mariolas para facilitar o acesso aos visitantes. 




Ponte do Cavalinho 
Depois de passar o topo da cascata do Cavalinho o terreno torna-se mais acessível. Perto da ponte do Cavalinho encontra-se um trilho de pé posto que nos leva até a Corga das Mestras. Esta Corga rodeada por muros de pedra serviu como terreno para pastagem dos animais, também podemos encontrar uma pequena cabana em ruínas e uma Silla dos Ursos ainda em bom estado de preservação. 

Corga das Mestras 
Corga das Mestras 


Serra Amarela em todo o seu esplendor 

Depois de deixar a Corga das Mestras dirigi-me a ponte do Cavalinho tomando o caminho esquerdo do ribeiro na direcção sul com o objectivo de poder subir a fraga e captar uma imagem total da cascata do Cavalinho. Ao chegar a fraga deparei com a mesma coberta de agua e musgo escorregadio que tive que transpor com atenção redobrada numa tentativa frustrada de chegar ao topo. Registei algumas fotos da cascata mas não na sua totalidade pois o acesso assim não o permitiu. 

Cascata do Cavalinho vista do topo da fraga 
No caso de estares interessado em visitar este local a nossa associação elabora visitas guiadas ao local. 

Saudações Montanheiras 
Carlos Moreira 

Texto e fotos de Carlos Moreira 








    

sábado, 3 de novembro de 2012

Plano de actividades Péd´Rios 2013




Janeiro
Dia 12 e 13 – Passeio ao Maciço do Peña Uniba com pernoita em refúgio de montanha – León – Asturias - Espanha
Dia 22 – Celebrações em honra ao São Vicente – Germil
Dia 26 – Passeio Serra da Estrela

Fevereiro
Dia 10 – II Convivo de Carnaval – Germil
Dia 23 – Caminhada Trilho Interpretativo de São Miguel

Março
Dia 9 e 10 – Estagio de Sobrevivência – Parte I    
Dia 31 – Celebração da Pascoa em Germil

Abril
Dia 14 – II Convívio Primaveril – Germil
Dia 20 – Palestra / Diaporama – Escalada de Carlos Moreira - Mount Rainer 4392m EUA
Dia 21 – Caminhada limpeza Germil

Maio
Dia 4 – Workshop sobre pedestrianismo
Dia 18 e 19 – Estagio de Sobrevivência – Parte II
Dia 26 – Caminhada limpeza aldeia de S. Miguel  

Junho
Dia 8 e 9 – Passeio ao Parque Natural do Montesinho dormida em tenda de campismo
Dia 10 – Convívio churrasco – Germil
Dia 22 – Passeio Interpretativo ao Parque Nacional Peneda Gerês
Dia 23 – Caminhada limpeza aldeia de Froufe    

Julho
Dia 6 e 7 Passeio aos lagos de Sanabria e serra da Cabreira pernoita em refugio
Dia 20 - Passeio Interpretativo ao Parque Nacional Peneda Gerês
Dia 21 – Caminhada Interpretativa de Germil

Agosto
Dia 4 Convívio da Sardinha – Germil
Dia 9 - Palestra / Diaporama de Carlos Moreira Escalada ao pico Huannadalshnjukur – Islândia – Iceland
Dia 10 – Prova de orientação diurna em Germil
Dia 11 – Jogos tradicionais em Germil
Dia 17 e 18 – Celebrações em honra do Sagrado Coração de Jesus
Dia 25 – Convivo do Emigrante – Germil
Dia 31 - Palestra / Diaporama de Carlos Moreira ao cume do Monte Whitney 4422m Califórnia EUA

Setembro
Dia 14 – Caminhada Trilho Interpretativo de São Miguel

Dia 28 e 29 – Celebrações em honra a Senhora da Penha de França - Germil

Outubro
Dia 12 e 13 – Passeio ao Maciço do Peña Trevinca com pernoita em refúgio de montanha – León – Astúrias - Espanha
Dia 26 e 27 – Passeio Arribas do Douro – Mogadouro com pernoita em albergue  

Novembro
Dia 1 a 3 – Passeio de visitação ao Parque Nacional Picos de Europa – Astúrias Espanha – Pernoita em refúgio de montanha
Dia 9 – Caminhada aldeia de Ermida – Ponte da Barca
Dia 23 e 24 – Estagio sobre o Canyoning

Dezembro
Dia 7 – Passeio de interpretação e visitação do PNPG
Dia 21 – Passeio de interpretação e visitação do PNPG
Dia 26 a 30 – Passeio de visitação Pirenéus – Espanha com pernoita em albergue

Importante: Para cada actividade apresentada neste plano, será elaborado (30 dias antes da actividade) o programa individual e detalhado da actividade com divulgação no Blog e Face Péd´Rios.

Para mais informações contacta a nossa associação Péd´Rios

Telefone: 00351 258 587 062
Telem.: 00351 938 678 090
E-mail: pederiosgeral@gmail.com